Será Que, Pendurar A Conta, Está Com Os Dias Contados?

Sábado pela manhã

Gosto não se discute mas eu prefiro o sábado pela manhã pra beber uma cerveja. Se não acordo tarde, vou até o botequim de um amigo, próximo da minha casa e lá bebo algumas. Volto pra casa com outras geladas pra preparar o almoço enquanto ouço uma boa música. Rotina? Não, boa prática de alívio de estresse.

Alguém disse que botequim é cultura. Concordo! São tantas conversas e assuntos dos mais variados temas que você acaba se alimentando de conhecimentos que, às vezes não são verdadeiros mas, vá lá, quem quer discutir o falso e o verdadeiro num ambiente descontraído e bem alegre num sábado pela manhã.

A Conta

Eu poderia continuar nesse ambiente um bom tempo mas, a prudência, o compromisso em casa e o bolso nos colocam nos trilhos e, vamos embora. Mas não antes de pagar a conta.

Agora vamos supor que apareceu um amigo que há muito você não o via, e acabou por pedir aquelas saideiras (quase intermináveis) e, por educação, não deixou seu amigo pagar nada, como um presente de reencontro. Agora me conte: você só levou dinheiro pra pagar as suas, né?

Entra em cena o caderninho do botequim onde, além de suas despesas, estão anotadas as despesas de dezenas de outros clientes e que, sem cerimônia alguma, o dono do lugar abre à sua frente para anotar seus gastos, e que ao mesmo tempo expõe todas as dívidas de outros clientes.

O Mal Intencionado

Se algum mal intencionado ver as dívidas dos outros pelo caderninho do botequim e acaba falando por aí que Fulano deve tanto e Cicrano é um mal pagador, e esse tipo de assunto se torne público e difame um terceiro. Que problema!

A Lei Geral de Proteção de Dados

Na hipótese acima, o ofendido pode mover uma ação por danos morais usando a LGPD contra o dono do botequim porque, presume-se que o que está escrito naquele caderno são informações sensíveis, ou seja, nome e valor de uma dívida que o único proprietário desses dados é o próprio devedor, e que deveria ser guardado com zelo e sigilo pelo dono do estabelecimento. Em tese, é uma quebra de acordo de confidencialidade.

Uma Solução

A próxima vez que você sair para se divertir, leve dinheiro suficiente para seu nome não entrar no caderninho do botequim e aquela cervejinha não descer amarga.

luciano.cardozo

Share

%d blogueiros gostam disto: